Lobo Brasil
.

Lobo Internacional: Español | English
.


INFORMAÇÕES
Notícias
Curiosidades
Entrevistas
Todas seções

REVISTAS
Lista completa
Gibi por gibi
Checklist brasileiro
Referências
Outros
Reviews
Melhores
Gibis com Slobo

ALÉM DOS GIBIS
Cinema
Cards
Jogos
Todas seções

IMAGENS
Geral
Pensamentos
Arte original
Todas seções

NO MUNDO
Brasil
Estados Unidos
Portugal
Todos países

DOWNLOADS

LINKS

FALE CONOSCO
.


Revistas - reviews
Lobo nº 9
(24/08/2003)

Finalmente chega a nona edição da revista do Maioral. Depois da rapidez entre a sexta e a sétima edições, essa levou quase dois meses para ser distribuída. Pelo menos no expediente está indicando “julho/agosto de 2003”, o que significa que, pela primeira vez em muito tempo, o gibi mensal do Lobo chega às comic shops no mesmo mês registrado na revista.

História:
Publicada originalmente em “Lobo” #16-17, de maio e junho de 1995: Continuação da edição anterior. Eddie Cabeça (o cara que Lobo conhece no final da última revista), conta a Lobo que trabalhava para o chefão da máfia local memorizando todos os acontecimentos. Resumindo a história, ele estava sendo levado para a polícia, mas acabou nas mãos do Maioral, que se interessou pelo papo sobre os “bilhões” que poderiam ser ganhos com uma tal fórmula ultra-secreta de ultra-explosivos. A partir daí, Lobo se envolve com a máfia, a polícia e praticamente todos os habitantes do planeta.

Ficha técnica:
Roteiro: Alan Grant
Desenho: Val Semeiks
Arte-final: John Dell

Pontos positivos / negativos:
A continuação da história “Lobo: Detetive Particular” mantém o mesmo nível, tanto da qualidade do roteiro quanto das referências (logo de cara, a capa é um bom exemplo, satirizando a série “Sin City”, de Frank Miller). O humor se desenvolve de forma satisfatória e as “tirinhas” recorrentes em algumas páginas foram uma boa sacada, especialmente porque influenciam totalmente o final desses dois capítulos (pena que, depois, Alan Grant repete esse recurso em MUITAS outras revistas, o que acaba cansando um pouco). A tradução está melhorando, embora algumas piadas tenham se perdido na passagem do inglês para o português. No geral, a revista mantém o padrão das anteriores.

Análise final (notas de 0 a 5):
Roteiro
Humor
Violência
   

Lobo Brasil, trazendo serviços indispensáveis à internet desde 29 de outubro de 1997.
Todos personagens citados são, em sua maioria,
© DC Comics, publicados sem autorização, mas com todo respeito ;)
As informações contidas nesse site podem ser usadas livremente, desde que se cite a fonte, preferentemente com link.

Lobo Brasil © 1997-2008, Lucio Luiz