Lobo Brasil
.

Lobo Internacional: Español | English
.


INFORMAÇÕES
Notícias
Curiosidades
Entrevistas
Todas seções

REVISTAS
Lista completa
Gibi por gibi
Checklist brasileiro
Referências
Outros
Reviews
Melhores
Gibis com Slobo

ALÉM DOS GIBIS
Cinema
Cards
Jogos
Todas seções

IMAGENS
Geral
Pensamentos
Arte original
Todas seções

NO MUNDO
Brasil
Estados Unidos
Portugal
Todos países

DOWNLOADS

LINKS

FALE CONOSCO
.


Revistas - outros

Encadernações | “Pacotes” | Paródias | Imitações

Encadernações

Brasil:

Lobo - O Último Czarniano

Conteúdo: Lobo (minissérie) nº 1 – nº 4

Observações: É uma edição muito boa de uma das melhores estórias do Maioral, pena que não traz as capas das revistas. De qualquer forma, é mais fácil encontrar essa encadernação por aí do que as quatro revistas originais.

Lobo: uma porrada de histórias

Conteúdo: Lobo/Máskara nº 1 – nº 2 / Lobo versus Papai Noel / Lobo: Infanticídio nº 1 – nº 2 / Lobo & Deadman: O Canalha e o Careca

Observações: Novamente, tem o problema da falta das capas, embora elas estejam reproduzidas na contra-capa da revista. Por sinal, o acabamento é muito bom, com capa-dura e tudo. Ótima opção para quem não tem essas revistas.

Estados Unidos:

Lobo’s Greatest Hits

Conteúdo: “Mistura” de partes de diversas estórias

Observações: Essa encadernação tem uma estória específica: Lobo sai perseguindo um taxista que entra num buraco negro. Dentro do buraco negro, ele vê diversas portas e duas versões suas (uma criança e um velho) explicam que ele deve vivenciar novamente vários momentos de sua vida para achar a saída do lugar. Em cada porta que ele entra, é mostrado um pedaço de alguma das suas primeiras estórias. Até a sua primeira aparição na revista “Omega Men” está presente. Essa revista não tem nada de especial, mas é interessante para quem quiser algo a mais sobre o Maioral.

Lobo - The Last Czarnian

Conteúdo: Lobo (mini-series) #1 – #4

Observações: É igual à edição brasileira: traz toda a estória da primeira minissérie de Lobo, mas infelizmente sem as capas originais. O acabamento é um pouco melhor que a versão nacional.

Lobo’s Back’s Back

Conteúdo: Lobo’ Back #1 – #4

Observações: É a encadernação da minissérie “Lobo’s Back” (no Brasil, “Lobo Está Morto”). Acabamento muito bem feito. A capa, por exemplo, é vazada onde está a figura do maioral. Quem vira a página vê a mesma imagem de Lobo, mas com o bumbum de fora. P.S.: Há uma outra edição desta encadernação igualzinha, mas sem essa capa especial. Sinto informar que é bem mais difícil achar essa de capa vazada do que a outra.

“Pacotes”

Slipcase Package

Conteúdo: As encadernações “Lobo: The Last Czarnian” e “Lobo’s Greatest Hits”, além do livro “The Wisdom of Lobo” — (imagens abaixo)

Observações: Esse pacote de revistas traz duas encadernações (que podem ser conferidas acima) e o livro “The Wisdom of Lobo” (que, em português, siginifica “A sabedoria de Lobo”). É um livro com as páginas totalmente em branco, como era de se esperar.

. . . . . .

Paródias

Loco vs. Pulverine
editora Eclipse – Julho de 1992

Observações: Essa é uma paródia completamente irracional (e um pouquinho divertida), mostrando uma luta entre Loco e Pulverine (paródias nem um pouco sutis de Lobo e Wolverine). Conta a história de Loco, um lutador de boxe intergalático (ou algo do gênero) que quer lutar contra Pulverine (um cara violento, extremamente famoso, que está desaparecido). No decorrer da revista vão aparecendo paródias de diversos personagens de quadrinhos. No final, Loco e Pulverine matam todo mundo. No fim, eles recebem a visita dos advogados de todas as editoras cujos personagens apareceram na revista e o narrador da história (a principal vítima da violência dos dois), ri. Simples, não? Há ainda nas últimas páginas da revista uma seção de cartas (falsa, é lógico).

Imitações


Bloodwulf
editora Image – a partir de fevereiro de 1995

Observações: Quem não conhece um personagem de quadrinhos com as seguintes características: Extra-terrestre, caçador de recompensas, extremamente violento, com a pele branca e o rosto coberto por manchas. Lobo? Não: Bloodwulf, uma cópia descara do Maioral apresentada pela editora Image (a mesma do Spawn) numa minissérie lançada em 1995. Essa “criação” de Rob Liefeld nem se preocupa em disfarçar as semelhanças com Lobo e apresenta o próprio na sua segunda edição. Isso mesmo. Nas páginas 6 e 13, o Maioral aparece, sendo simplesmente sacaneado. Primeiro, ele aparece num bar espacial, bêbado e reclamando da vida. Um ET explica para Bloodwulf o seguinte sobre ele: “Ele é um czarniano sem propósito. Ele foi separado de seu criador e forçado a seguir os caprichos dos homens corporativos donos do dinheiro do universo. Ele costumava ser o maioral por essas bandas, agora ele é um pouco mais que uma sombra do que costumava ser. Um pouco degradante, se você quer saber”. Meio besta, não? Na página 13, então, Lobo aparece sendo comido por um monstro estranho enquanto reclama da vida, dizendo que era o melhor naquilo que fazia. Simplesmente, uma demonstração de falta de bom senso, já que é uma imitação querendo diminuir a qualidade do imitado. Por sinal, esse Bloodwulf não chega nem aos pés do Maioral.

Lobo Brasil, trazendo serviços indispensáveis à internet desde 29 de outubro de 1997.
Todos personagens citados são, em sua maioria,
© DC Comics, publicados sem autorização, mas com todo respeito ;)
As informações contidas nesse site podem ser usadas livremente, desde que se cite a fonte, preferentemente com link.

Lobo Brasil © 1997-2008, Lucio Luiz