Lobo Brasil
.

Lobo Internacional: Español | English
.


INFORMAÇÕES
Notícias
Curiosidades
Entrevistas
Todas seções

REVISTAS
Lista completa
Gibi por gibi
Checklist brasileiro
Referências
Outros
Reviews
Melhores
Gibis com Slobo

ALÉM DOS GIBIS
Cinema
Cards
Jogos
Todas seções

IMAGENS
Geral
Pensamentos
Arte original
Todas seções

NO MUNDO
Brasil
Estados Unidos
Portugal
Todos países

DOWNLOADS

LINKS

FALE CONOSCO
.


Revistas - gibi por gibi
1991

Janeiro:

Lobo (mini-series) #3
Lobo (minissérie) nº 3 (dezembro de 1991)

Roteiro: Keith Giffen & Alan Grant
Esboço: Keith Giffen
Desenho: Simon Bisley

História: Vril Dox fica desesperado porque Lobo ainda não apareceu numa determinada zona espacial pela qual ele deveria passar para chegar em seu destino. Seu desespero se resume no fato de que ele alimentou o ódio e a fúria de Lobo para que ele destruísse a polícia de Oneida, a Legião da Decência, os motoqueiros “Filhos do Lobo”, a Companhia de Dança e os caminhoneiros, que o estariam esperando (cada um por um motivo) na área em que ele passaria. Como ele não pode matar dona E. Tribb, ele descarregaria todo seu ódio e fúria nesse pessoal, matando todo mundo. Só que Lobo e dona E. Tribb foram seqüestrados pelo Comando Ortográfico, um bando de malucos que mata quem não conseguir soletrar corretamente as palavras. O Maioral só escapa porque as palavras que ele tem que soletar são “genocida” e “mutilação”. Mas no final ele dá porrada em todo mundo mesmo. No final, ele avisa a Vril Dox que deu uma paradinha no planeta Orgia-7 para descansar, mas o problema é que ele avisou isso num canal desprotegido e todos seus inimigos foram para lá. Mas só continua na próxima edição...

L.E.G.I.O.N. #23
DC 2000 nº 40 (abril de 1993)

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Jim Fern & Richard Piers Rayner
Arte-final: Kim DeMoulder

História: Aqui temos duas histórias: o funeral de Lyrissa Mallor e o que aconteceu com o durlaniano. Se você não sabe quem diabos é esse durlaniano, sem problemas, pois sua história não nos interessa. Na verdade, nem o enterro de Lyrissa interessa, pois Lobo só aparece observando o caixão e, depois, no bar junto com o pessoal. E de longe.

Fevereiro:

Lobo (mini-series) #4
Lobo (minissérie) nº 4 (dezembro de 1991)

Roteiro: Keith Giffen & Alan Grant
Esboço: Keith Giffen
Desenho: Simon Bisley

História: Lobo se diverte. Ele prende dona E. Tribb no armário e ameaça dar porrada em todo mundo. Todo mundo se desespera. No final, ele sai no planeta Orgia-7 enquanto o planeta é totalmente destruído. Ele entrega dona E. Tribb para Vril Dox e, assim que ele assume a custódia da velhinha, o Maioral mata sua ex-professora. Afinal, o acordo com Dox se referia apenas a não matá-la antes de entragá-la sob custódia. Lobo promete, Lobo cumpre.

L.E.G.I.O.N. #24
DC 2000 nº 41 (maio de 1993)

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Jim Fern
Arte-final: Jeff Albrecht & Jim Fern

História: A L.E.G.I.Ã.O. resolve atacar os khúndios (a raça de extra-terrestres mais violenta do universo da DC Comics). Lobo enche vários khúndios de porrada. Como só porrada não adianta muito contra khúndios, no final da história Vril Dox começa a pensar numa maneira de derrotá-los de vez.

Março:

L.E.G.I.O.N. #25
DC 2000 nº 42 (junho de 1993)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson

História: Os khúndios estão em guerra com os domínions e preparam um grande dispositivo de destruição. A L.E.G.I.Ã.O. quer interferir, mas para isso deve salvar o professor Rn’tnt’n, que está sendo obrigado a auxiliar os khúndios. Lobo vai junto com uma equipe para resgatar o cientista. E continua na próxima edição.

Abril:

L.E.G.I.O.N. #26
DC 2000 nº 42 (junho de 1993)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson

História: Aqui continua a história da edição anterior. Uma equipe da L.E.G.I.Ã.O. ataca os khúndios. Lobo está na equipe, claro. E ele dá porrada em uma porção de khúndios, claro. E ele encontra o professor Rn’tnt’n, claro. Mas, como o cientista está com uma bomba que explodirá assim que ele sair da sala onde estava confinado, Lobo resolve tudo arrancando a cabeça do coitado, claro. E no fim ainda acaba salvando a vida da L.E.G.I.Ã.O., e é isso que é impressionante.

Maio:

L.E.G.I.O.N. #27
DC 2000 nº 44 (agosto de 1993)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson

História: Vril Dox resolve o problema da guerra entre khúndios e domínions. Fora isso, só Lydea Mallor que volta ao normal no fim da revista. Como deu para perceber essa é mais uma daquelas “histórias de ligação”, onde não acontece nada de interessante, apenas servindo para ligar a anterior com a próxima. Pelos meus cálculos, já é a terceira até agora. Obs.: Lobo aparece pouco por aqui.

The Demon #11
sem equivalência nacional

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Val Semeiks
Arte-final: Denis Rodier

História: Lobo aparece na última página (entenda isso lendo o que houve na L.E.G.I.O.N. #29) indo em direção à Terra (leia o desdobramento disso na próxima edição de The Demon).

Junho:

The Demon #12
sem equivalência nacional

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Val Semeiks
Arte-final: Denis Rodier

História: Lobo foi parar na Terra e, de repente, se vê às voltas com um grupo de monges malucos que têm um plano de uma bomba para acabar com o mundo e que o convocaram “magicamente”. Claro que o Maioral adora a idéia. Só que Jason Blood está por lá e resolve impedir. Para quem não sabe, Jason Blood é a “prisão” humana do demônio Etrigan. Blood clama por Etrigan, que cai na porrada com Lobo. E por aí vai.

Julho:

L.E.G.I.O.N. #29
DC 2000 nº 46 (outubro de 1993)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson

História: Lobo aparece logo de cara, invadindo uma nave e sendo desintegrado pelo piloto, depois de dar porrada em muito robô. Na verdade, ele foi enviado para a Terra (na história que está rolando na revista The Demon, simultaneamente a essa). No fim, ele volta e termina de detonar a nave. Na verdade, ele só voltaria no final da participação dele na revista The Demon, mas parece que mandaram a cronologia para as favas e todo o arco de histórias em que ele participa junto com o demônio Etrigan acontece durante essa edição de L.E.G.I.O.N..

The Demon #13
sem equivalência nacional

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Val Semeikis
Arte-final: Denis Rodier

História: Lobo e Etrigan continuam caindo na porrada. No meio da briga, um amigo de Jason Blood chama Etrigan mentalmente para ele ir a Gotham City ajudá-los num probleminha. Ele vai junto com Lobo. Os dois vão a uma base militar e são atacados pelos estranhos inimigos de Etrigan: um menino mágico e um defundo decrépito com um osso mágico.

Agosto:

L.E.G.I.O.N. #30
DC 2000 nº 48 (dezembro de 1993)

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Barry Kitson

História: Essa história mostra a seleção de novos recrutas para a L.E.G.I.Ã.O.. Também é apresentado um novo vilão, G’odd, que está p da vida com a L.E.G.I.Ã.O. depois que Lobo destruiu uma rota de contrabando que seu pessoal usava (aquela invasão de nave da última edição era isso). Lobo só aparece para brigar com Fase e com Vril Dox. No fim, Furtiva reaparece (ela tinha fugido para outro planeta, mas acredito que não entrei em detalhes sobre isso).

The Demon #14
sem equivalência nacional

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Val Semeiks
Arte-final: Bob Smith

História: Lobo começa a dar porrada nos tais inimigos e Etrigan. Depois, encontra uma bomba nuclear e resolve acabar com a Terra. O Vingador Fantasma ainda aparece, apelando para os bons sentimentos do Maioral. É claro que não funciona. Lobo vai carregando a bomba e, perto do final dessa parte da história, encontra o defunto decrépito com um osso mágico novamente e bate nele.

Legion of Super-heroes Vol.4 #21
sem equivalência nacional

Roteiro: Al Gordon
Desenho: Keith Giffen

História: Basicamente, tem duas meninas se escondendo do Darkseid. Lobo só aparece, numa única página, lá pelo meio da estória, recebendo as ordens do vilão para capturar uma das meninas. Continua...

Setembro:

L.E.G.I.O.N. #31
DC 2000 nº 49 (janeiro de 1994)

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Barry Kitson

História: Aqui, o Maioral aparece só para dar esporro nos candidatos a recruta da L.E.G.I.Ã.O., mas isso no Brasil. A editora Abril cortou todas as páginas que mostravam Lobo caindo na porrada com o Capitão Marvel. Isso porque não quiseram publicar no Brasil o crossover “War of the Gods” e, portanto, não teriam justificativa para publicar essa briga. Pior para os leitores brasileiros que ficaram sem ver essa e várias outras brigas entre os heróis da DC Comics.

The Demon #15
sem equivalência nacional

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Val Semeiks
Arte-final: Bob Smith

História: Lobo está se encaminhando para o ponto no qual jogará a bomba nuclear. Etrigan vai atrás dele. Vingador Fantasma fica apreensivo. Lobo e Etrigan começam a cair na porrada (de novo!) e vão nessa até o final, quando eles começam a cair, com a bomba em seu encalço, e o menino mágico mau faz um encantamento que os leva para algum lugar bem distante. No caso do Lobo, de volta para o mesmo ponto onde tinha sumido originalmente, em L.E.G.I.O.N. #29.

Legion of Super-heroes Vol.4 #22
sem equivalência nacional

Roteiro: Al Gordon
Desenho: Keith Giffen

História: Lobo vai à caça da menina que Darkseid quer e no caminho vai batendo em algumas pessoas. Ele aparece em alguns quadros no decorrer da revista, mas só aparece um pouco melhor mesmo na próxima edição.

War of the Gods #1
sem equivalência nacional

Roteiro e Desenho: George Pérez
Arte-final: Cynthia Martin

História: Nessa revista começa uma grande saga onde heróis lutam contra heróis para no final lutarem com um inimigo comum grande e poderoso (isso que a DC Comics faz quase todo ano). O único momento em que Lobo aparece, além da capa, é na referência à luta entre ele e Capitão Marvel que ocorrer pra valer no gibi “L.E.G.I.O.N.” #31.

Outubro:

L.E.G.I.O.N. #32
DC 2000 nº 49 (janeiro de 1994)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson
Arte-final: Mark Pennington

História: Aqui nós vemos o treinamento dos novos recrutas. Também começa aqui vários casos de sabotagem e coisas estranhas acontecendo com a L.E.G.I.Ã.O. e ninguém consegue descobrir quem é o traidor. Lobo aparece pouco e não faz nada de importante. As duas únicas coisas interessantes dessa edição é o fato de Vril Dox se apaixonar por Ig’nea, uma nova recruta, e o aparecimente de mais um vilão, Homem de Gelo, que está se preparando para cair de porrada com Lobo. Vai ser uma briga boa.

Legion of Super-heroes Vol.4 #23
sem equivalência nacional

Roteiro: Al Gordon
Desenho: Keith Giffen

História: Lobo encontra a tal garota que Darkseid quer e, para capturá-la, briga com Brainiac V, da Legião dos Super-heróis (essa é uma estória ocorrida no século XXX, caso você não tenha ligado o nome do gibi à época). O Maioral detona tranqüilamente o rapaz e leva a menina para Darkseid. Continua...

Novembro:

L.E.G.I.O.N. #33
DC 2000 nº 51 (março de 1994)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson
Arte-final: Mark Pennington

História: Várias coisas vão acontecendo para desmantelar a L.E.G.I.Ã.O. e Vril Dox continua com uma cara de bobo apaixonado sem raciocinar direito. Nesse ínterim, Lobo vai visitar seus golfinhos espaciais e encontra um deles morto, dentro de sua geladeira. Claro que ele fica cheio de ódio e vai atrás do responsável: o Homem de Gelo. Mas a porrada entre os dois ainda vai esperar um pouquinho...

Justice League Europe #32
Liga da Justiça nº 63 (março de 1994)

Roteiro: Keith Giffen & Gerard Jones
Esboço: Keith Giffen
Desenho: Darick Robertson
Arte-final: John Beatty

História: Aqui, Lobo apenas aparece sendo contratado por Lorde Mangá Khan (de novo!) para ir à Terra buscar Despero (um monstro que quer matar a Liga). O resto da revista é com histórias da Liga (até porquê essa revista é da Liga, oras!).

Wonder Woman Vol.2 #60
sem equivalência nacional

Roteiro: George Pérez
Desenho: Cynthia Martin e Joe Phillips
Arte-final: Pablo Marcos e Brian Stelfreeze

História: Esse gibi traz o mesmo crossover que ocorreu na revista “L.E.G.I.O.N. #31”, lá em cima. No meio da estória da Mulher-Maravilha (que não interessa muito, pois é parte de outra estória que eu não tenho), Lobo aparece de repente lutanto contra a mãe da Mulher-Maravilha (ela só descobre que é sua mãe no final do gibi) e sai distribuindo sopapos nas dezenas de mulheres que aparecem para lutar com a Mulher-Maravilha. Basicamente isso: Lobo fica brigando com as inimigas da Mulher-Maravilha enquanto ela desenvolve a estória sem maiores percalços.

War of the Gods #3
sem equivalência nacional

Roteiro e Desenho: George Pérez
Arte-final: Russel Braun, Pablo Marcos, Vince Giarrano, Scott Hanna e Romeo Tanghal

História: A tal “grande saga onde heróis lutam contra heróis para no final lutarem com um inimigo comum grande e poderoso” (isso que a DC Comics faz quase todo ano) continua. Enquanto uma porção de coisas acontece com vários heróis, Lobo continua lutando com as inimigas da Mulher-Maravilha (conforme aconteceu nesta edição da Amazona aí em cima). Depois, de alguma forma, ele aparentemente se une a alguns heróis. Na próxima edição, vemos o que acontece...

Dezembro:

The Lobo Paramilitary Christmas Special #1
Lobo versus Papai Noel (dezembro de 1998)

Roteiro: Keith Giffen & Alan Grant
Esboço: Keith Giffen
Desenho: Simon Bisley

História: Essa é uma singela estória de Natal. Um casal está desesperado por não ter comprado presentes para seus filhinhos. Isso porquê as crianças irão destroçá-los quando acordarem. Eis que surge um livro lindo que conta a estória do Maioral, que foi contratado pelo Coelhinho da Páscoa para matar Papai Noel, aliás Kris “Esmagador” Kringle, um tirano do Pólo Norte. Os feriados estão com ódio mortal do bom (?) velhinho porque todas as atenções ficam voltadas apenas ao Natal. Lobo vai lá e, numa luta antológica, destrói Santa Claus (para quem não sabe, Papai Noel em inglês).

L.E.G.I.O.N. #34
DC 2000 nº 52 (abril de 1994)

Roteiro: Alan Grant & Barry Kitson
Desenho: Barry Kitson

História: Enquanto a L.E.G.I.Ã.O. vai se esfarelando (tanto que no final, Vril Dox comunica oficialmente que ela foi desativada), Lobo está num labirinto cheio de armadilhas. Claro que o Maioral sobrevive às piores armadilhas, mas no final, quando ele finalmente encontra o Homem de Gelo, cai numa última armadilha: uma queda de mil metros que depois é coberta por mil toneladas de rocha. A porrada entre os dois ainda vai esperar um pouquinho mais...

Legion of Super-heroes Vol.4 #24
sem equivalência nacional

Roteiro: Al Gordon
Desenho: Keith Giffen

História: Lobo entrega a garota para Darkseid e fica por lá para ver a experiência que ele fará com ela. Por sinal, estou ignorando os acontecimentos paralelos das quatro revistas, pois isso é problema de algum site sobre a Legião dos Super-heróis. Quanto à participação do Lobo, ele enche tanto o saco do Darkseid que o vilão lança um raio nele e o Maioral desaparece.

Justice League America vol. 2 #57
Liga da Justiça nº 63 (março de 1994)

Roteiro: Keith Giffen & J. M. DeMatteis
Esboço: Keith Giffen
Desenho: Chris Wozniak
Arte-final: Bruce Patterson

História: Lobo começa a procurar por Despero e chega à Terra. Isso acontece no início da revista. No resto, vão acontecendo histórias da Liga (que, caso você esteja interessado em saber quais são, sugiro que compre essa revista aí à direita em algum sebo de quadrinhos).

Justice League Europe #33
Liga da Justiça nº 64 (abril de 1994)

Roteiro: Keith Giffen & Gerard Jones
Desenho: Darick Robertson
Arte-final: John Beatty

História: Despero está no centro de Nova Iorque detonando tudo. Aí chega a Liga da Justiça. Aí eles começam a bater no Despero, sem adiantar muito. Aí o Lobo aparece. Aí ele e o Guy Gardner começam a brigar. Aí o Maioral vai pra cima do Despero. Aí continua na próxima edição.

War of the Gods #4
sem equivalência nacional

Roteiro e Desenho: George Pérez
Arte-final: Pablo Marcos, Alan Kupperberg, Phil Gimenez, Gordon Purcell, Dick Giordano e Frank McLaughlin

História: Aqui está a conclusão da saga “War of the Gods”. Lobo passa a maior parte do tempo desmaiado devido a uma espécie de feitiço, mas é fundamental para a vitória dos bonzinhos no final. É mais ou menos o seguinte: alguma coisa aconteceu entre os deuses e isso afetou o Capitão Marvel que precisava dos deuses que dão suas inicias a “Shazam”. Lobo substituiu um desses deuses, logicamente sob hipnose. No final, aparentemente ele não lembra de mais nada. É isso.

Sem mês definido:

L.E.G.I.O.N. Annual #2
Armageddon 2001 nº 4 (julho de 1993)

Roteiro: Alan Grant
Desenho: Mike McKone
Arte-final: Jan Harps

História: Essa revista faz parte de um cross-over entre várias revista da DC Comics. A estória básica é a seguinte: Tempus (o douradinho que está em cima do Lobo nas capas) veio de 2001, viajando no tempo até 1991 para descobrir qual dos super-heróis do universo DC virou um ditador na Terra que matou todos os outros heróis. Não sei por que diabos ele vai buscar esse tal herói da Terra no espaço, mas ele foi ver se alguém da L.E.G.I.Ã.O. seria o tal responsável. Ele descobre isso vendo o futuro provável da pessoa ao tocar nela. Ele já começa tocando no Lobo e vendo que o futuro dele é igual ao seu presente: morte, violência e irracionalidade. Então ele vai tocar no Vril Dox e vê um futuro no qual ele se tornou uma pessoa má (mais má do que já era) após ter sua mente fundida com a dos computadores tiranos de Colu. Nesse futuro, Lobo está preso em estase há anos e, no final, é solto para ajudar na luta de todo mundo contra um amálgama de Vril Dox e Lady Quark, que mata todo mundo. Basicamente isso. O engraçado é que 2001 já passou e nada disso aconteceu :)

Anterior (1990) | Próximo (1992)
.

Lobo Brasil, trazendo serviços indispensáveis à internet desde 29 de outubro de 1997.
Todos personagens citados são, em sua maioria,
© DC Comics, publicados sem autorização, mas com todo respeito ;)
As informações contidas nesse site podem ser usadas livremente, desde que se cite a fonte, preferentemente com link.

Lobo Brasil © 1997-2008, Lucio Luiz